Cidades

Depois de 30 anos, Timóteo é contemplada com novo asfalto

Os operários, com a ajuda das máquinas, já aplicaram cerca de 1300 toneladas de massa asfáltica na avenida Acesita

 

TIMÓTEO – O trabalho de recapeamento asfáltico das ruas de Timóteo não para. Desde que o prefeito Sérgio Mendes (PSB) assinou a ordem de serviço para início das obras, na última segunda-feira, os operários, com a ajuda das máquinas, já aplicaram cerca de 1300 toneladas de massa asfáltica na Avenida Acesita. O primeiro trecho da avenida liberado para os trabalhos, que vai da área comercial do Centro Sul, até pouco depois da Prefeitura, deverá ser concluído até sexta-feira.
Os serviços têm começado às 7h da manhã e se estendido até às 20h. Durante o dia, o trânsito é pesado, tem muito fluxo de veículos. Por isso, é necessário trabalhar à noite, para garantir uma produção considerável.
Todo trecho a ser recapeado será monitorado pelo Departamento de Trânsito da prefeitura para evitar grandes problemas com o tráfego de veículos. “Entendemos que haverá algum transtorno. Mas temos monitorado de perto para que seja tudo da forma mais tranquila possível. Não há como fazer melhorias nas vias públicas sem causar um certo desconforto. Mas acreditamos que a população, que esperou mais de 30 anos por um asfalto novo, saberá ter paciência, agora que isso está se tornando realidade”, comenta o prefeito Sérgio Mendes.

“CIDADE NOVA”

As obras de recuperação do asfalto de Timóteo fazem parte do Programa Cidade Nova, que contempla ainda a implantação de rotatórias, recuperação de encostas, sinalização das vias e obras complementares nas diversas regionais do município. O custo total das obras deverá ultrapassar os R$ 20 milhões. “Parte desse recurso, cerca de R$ 7 milhões, foi adquirido graças ao convênio assinado entre a Prefeitura de Timóteo e a Copasa. Valor este que só pode ser aplicado em obras de infraestrutura”, lembra o prefeito.
Nessa primeira etapa estão sendo priorizados os principais corredores viários da cidade, onde passam diariamente mais de 80% dos veículos que circulam no município. O lote inicial de obras, que soma um investimento de mais de R$ 4 milhões, foi licitado em praça pública, em fevereiro deste ano, e garantiu uma economia de 20% aos cofres públicos, em relação ao valor previsto inicialmente que era de R$ 5,5 milhões.
“Com o Programa Cidade Nova, o município avança na melhoria da qualidade de vida. Estamos realizando obras estruturais que permitirão a recuperação das principais vias e o atendimento a uma reivindicação legítima de uma população cansada de conviver com poeira, buracos e a falta de vontade política de buscar recursos para investir na malha viária. Estamos mudando o visual da cidade, promovendo o desenvolvimento, o bem-estar e a cidadania plena de nossa comunidade”, concluiu Mendes.

Você também pode gostar