Cidades

Palestra alerta para a prevenção de doenças renais em Ipatinga

O médico destacou ainda que na unidade de diálise do HMC são atendidos atualmente cerca de 250 pacientes

 

IPATINGA – Cuidados simples como não beber, não fumar, não abusar do sal nos alimentos e praticar atividades físicas já são de grande valia para se prevenir ou diminuir a incidência de doenças renais na população. A informação é do médico nefrologista Eberaldo Severiano Domingos, do Hospital Márcio Cunha (HMC), que realizou palestra na tarde desta segunda-feira (12) para profissionais da área de saúde, no auditório do 7° andar da Prefeitura de Ipatinga. O evento é fruto da parceria entre a Secretaria de Saúde e o HMC no trabalho de prevenção, diagnóstico e tratamento da doença renal.
Eberaldo Domingos esclarece as formas de prevenção da doença, que como bem lembrou, pode ser evitada ainda no início. Conforme o médico, o diabetes e a hipertensão arterial são os principais causadores da doença que evolui de forma lenta e pode passar anos sem apresentar qualquer tipo de sintoma. “No Brasil, essas enfermidades representam problemas de saúde pública e afetam uma parcela significativa da população,” destacou. O especialista frisou ainda que as pessoas portadoras dos fatores de risco da doença renal devem procurar a Unidade de Saúde mais próxima de sua casa e “nunca se automedicar”.
O médico destacou ainda que na unidade de diálise do HMC são atendidos atualmente cerca de 250 pacientes, que três vezes por semana se submetem ao processo de filtragem e depuração de substâncias indesejáveis do sangue como a creatinina e a ureia.

Você também pode gostar