Cidades

Homenagem aos 110 anos da imigração japonesa tem participação da Usiminas

O presidente da Usiminas, Sergio Leite, participou na quinta-feira (21) da solenidade em lembrança dos 110 anos da chegada dos primeiros imigrantes japoneses ao Brasil, realizada Câmara dos Deputados, em Brasília. Desde a chegada do navio Kasato Maru, no porto de Santos, o Brasil se tornou o país que abriga a maior comunidade nipônica fora do Japão.

O evento, que teve a presença do embaixador do Japão no Brasil, Akira Yamada, comemorou a parceria entre os dois países, reconhecendo entidades e profissionais que demonstram e reforçam os laços de amizade e ajudam e preservar a tradição da cultura oriental junto às comunidades nipo-brasileiras.

LANARI-HORIKOSHI

Em sua fala aos presentes, o Sergio Leite lembrou a história da fundação da Usiminas, um dos primeiros investimentos japoneses no exterior após a Segunda Guerra Mundial. “A empresa é fruto do sonho de brasileiros e mineiros e se tornou realidade também a partir da parceria com os japoneses, formalizada pelo acordo Lanari-Horikoshi. Durante minha carreira, tive a oportunidade de ir ao Japão mais de 35 vezes e pude presenciar o espírito de trabalho e cooperação de seu povo”, assinalou o executivo. Em lembrança a essa parceria, que perdura depois de mais de 60 anos, Leite recebeu uma homenagem da deputada federal e presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, Keiko Ota, que assina a requisição do evento.

Você também pode gostar