Cultura

“Dois Perdidos” em cartaz na Fundação Aperam neste sábado

Inspirado na obra “Dois Perdidos numa Noite Suja”, de Plínio Marcos, espetáculo discute conflitos humanos

IPATINGA – O espetáculo “Dois Perdidos” entra em cartaz no próximo dia 08/06 (sábado), às 20 horas, no Teatro da Fundação Aperam, em Timóteo. A peça é o segundo espetáculo da Cia. Ideia de Teatro e estreou em setembro de 2023, circulando pelos principais teatros da região e recebendo ótimas críticas do público.

CRIAÇÃO

O processo de “Dois Perdidos” se inicia com a leitura do clássico “Dois Perdidos numa Noite Suja”, um texto de 1966, escrito pelo dramaturgo Plínio Marcos. A partir desse texto como inspiração, o diretor e dramaturgo Beto de Faria parte para a escrita de uma dramaturgia totalmente nova, a partir da ideia de dois homens sozinhos, de realidades totalmente distintas, narrando o choque e o aprendizado gerado por essa colisão de realidades.

OUTRO LUGAR

“O espetáculo foi para um lugar totalmente diferente do texto do Plínio Marcos e ao mesmo tempo extremamente próximo. Num primeiro momento o contexto se difere drasticamente da obra referenciada, mas seus símbolos e conflitos se fazem presentes a todo momento”, diz Beto de Faria. “O nosso trabalho aborda relações de pai e filho, filho e pai, marido e esposa, indivíduo e a vida. É um trabalho que aborda o auto perdão”, diz Beto de Faria

INTERPRETAÇÃO

Em cena dois atores que vivem na melhor idade: Cemário Campos (68) e Roberto Iokel (63) vivem Paco e Tonho. Paco é um professor universitário que já deveria estar aposentado, mas a aposentadoria não daria dignidade para descansar. Já Tonho é engenheiro aposentado, viuvo e curte sua aposentadoria em bares e vendo jogos de futebol. Essas duas realidades se encontram numa construção abandonada, onde os personagens encontram abrigo durante uma tempestade. Após o espetáculo há um bate papo sobre o processo e as percepções do público em relação ao trabalho, tendo como mediador o psicanalista, professor e escritor Beto Oliveira.

FICHA

O espetáculo tem direção e texto de Beto de Faria, preparação de elenco de Wan Douglas Gonçalves, iluminação de Matí Lima, sonoplastia e trilha sonora de Juninho Ars. O cenário e feito em animação e projeção mapeada assinada pelo artista Danilo Almeida e Medula Estúdio. Fotografia de Ricardo Alves e audiovisual da Equipe 1 Filmes. 

IDEIA DE TEATRO

A Cia. Ideia de Teatro surge em 2021 e é idealizada pelo artista Beto de Faria (ex Grupo Farroupilha e ex Casa Laboratório). Ela surge na necessidade do artista em ampliar e desenvolver sua própria pesquisa cênica, criando uma plataforma de criação, estudo, promoção do desenvolvimento humano através da experiência artística, abordando temas como saúde mental e qualidade de vida. A Cia. Ideia de Teatro tem em seu reportório os espetáculos “Elogio da Loucura”, inspirado na obra de Erasmo de Rotterdam, “Dois Perdidos” e está em processo do seu primeiro espetáculo de rua, o musical “Os Meninos de Minas”.

SERVIÇO

Espetáculo: “Dois Perdidos”

Dia: 08/06 (sábado), às 20 horas,

Local: Teatro da Fundação Aperam

Ingressos promocionais até duas horas antes do espetáculo.

Vendas na bilheteria do teatro e no site sympla

Você também pode gostar

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com