Nacionais

Ipatinga elabora Plano de Redução de Riscos

A arquiteta da Fundação Israel Pinheiro, Fernanda Ferreira, se reuniu com representantes da Secretaria de Segurança e Convivência Cidadã de Ipatinga


IPATINGA
– Técnicos da Fundação Israel Pinheiro (FIP), de Belo Horizonte, estão em Ipatinga para realizar um diagnóstico completo sobre as áreas de riscos geológicos existentes no município. O estudo vai embasar a elaboração do Plano Municipal de Redução de Riscos, que será criado em parceria da Prefeitura de Ipatinga com o governo estadual.

O projeto foi resgatado pela Administração Municipal, desde o início do ano, envolvendo a participação de representantes das áreas de saúde, obras, segurança pública, assistência social, serviços urbanos e meio ambiente. “O objetivo é mapear locais de riscos de desabamentos, inundações e ameaças a moradias, para que ocorram intervenções planejadas e seguras que beneficiem toda a comunidade”, ressalta o secretário de Segurança e Convivência Cidadã de Ipatinga, Coronel Ramalho.

MAPEAMENTO
De acordo com a arquiteta da FIP, Fernanda Ferreira, que se reuniu na manhã desta segunda-feira (12) com representantes da Prefeitura, da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros, o diagnóstico leva em consideração diversos aspectos, como as condições administrativas do município, a situação do Plano Diretor, o nível de urbanização e a ocupação geográfica do território municipal. “Realizamos um mapeamento minucioso sobre os tipos e os níveis de riscos predominantes em todo o município”, adianta a especialista, completando que o trabalho é “bastante longo e detalhado”.

Defesa Civil
“Nosso objetivo é transformar a comunidade em agente atuante na prevenção de riscos, por isso a Defesa Civil realiza uma campanha permanente de conscientização da população”, destaca o coordenador da Defesa Civil de Ipatinga, Joel Lopes da Silva, que colabora para elaboração do Plano Municipal de Redução de Riscos.
Mesmo em períodos de estiagem, como acontece durante o inverno, o trabalho preventivo é mantido pela seção vinculada à Secretaria de Segurança e Convivência Cidadã. “Atuamos em todo o município e acompanhamos as condições de moradia nas áreas de riscos, para que seja possível ao menos minimizar os danos e as vítimas de desastres naturais, como é mais comum nas chuvas”, afirma o coordenador.

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

Joel Lopes explica, também, que a Defesa Civil não é responsável por fazer doações de telhas, tijolos, móveis, vestuários e alimentos. O repasse de materiais acontece, exclusivamente, para atender moradores vítimas de desastres naturais ou acidentes geológicos. “Independentemente da classe social, todo morador de Ipatinga tem o direito de receber apoio da Defesa Civil, e estamos aptos a prestar um serviço eficaz para a sociedade”, finaliza o coordenador. Contatos com a Defesa Civil de Ipatinga podem ser feitos pelos telefones 199 e 3829-8414.

Você também pode gostar