Cidades

Vereadores querem manter cessão de funcionários à Justiça do Trabalho

FABRICIANO – O vereador Marcos da Luz (PT) protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Coronel Fabriciano um requerimento, que conta com a assinatura de vários parlamentares, fazendo um apelo ao Executivo Municipal em defesa do fórum local da Justiça do Trabalho.

No documento os vereadores solicitam o atendimento ao Ofício nº 273/2018, da Diretoria-Geral do Tribunal Regional do Trabalho – 3ª Região, datado de 24/07/2018, no qual é solicitada a prorrogação da cessão de nove servidores efetivos, que há anos prestam serviços indispensáveis ao atendimento do cidadão no Fórum Trabalhista.

IMPRESCINDÍVEIS

Segundo Marcos da Luz, alguns funcionários estão cedidos já há mais de vinte anos para o TRT. “Eles são competentes, dedicados e possuem alto grau de especialização nas funções que ocupam. Tornaram-se imprescindíveis para nas atividades da Justiça do Trabalho e no atendimento aos jurisdicionados, no tocante à qualidade e celeridade”, enfatiza.

Na opinião do vereador, que desde o mandato passado tem lutado junto com os advogados trabalhistas em defesa de uma melhor prestação jurisdicional da Justiça do Trabalho, a renovação da cessão dos servidores por parte da Prefeitura é fundamental e essencial para manter o Fórum Trabalhista na cidade, lembrando inclusive que já houve propostas de migração da JT para Ipatinga.

“Caso o Município não prorrogue este contrato de cessão haverá, certamente, um prejuízo enorme para Coronel Fabriciano, um impacto negativo substancial e uma forte repercussão na sociedade, juntos aos advogados e à OAB-MG, que estão acostumados com um serviço prestado com qualidade e eficiência por nossos servidores municipais”, concluiu.

Você também pode gostar