Cidades

Tempestade destrói obras no Parque Linear

ACS PMCF

FABRICIANO – A Prefeitura de Coronel Fabriciano informa que os fortes ventos que assolaram a região central do município, na noite da última sexta-feira (04), causaram o tombamento de uma grande árvore localizada às margens do Ribeirão Caladão, na avenida Julita Pires Bretas, próximo ao nº 130. Ao tombar, a árvore rompeu a adutora da Copasa, ocasionando o desmoronamento do antigo gabião ali existente, construído há mais de 30 anos. Essas ocorrências fizeram com que uma pequena parte da calçada do Parque Linear cedesse também.

O Poder Executivo acionou imediatamente a Copasa, que está reparando a adutora. Já a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos está cortando a grande árvore tombada. Conforme explica o vice-prefeito, Bruno Torres, “a galhada de uma grande árvore funciona como a vela de um barco. Com a força do vento, um barco, móvel, desloca-se para frente. No caso de uma árvore, fixa ao solo, ela reclina-se e suas raízes geram um enorme buraco no local onde estava plantada. É o que ocorreu em Fabriciano, cuja situação agravou-se porque a adutora da Copasa estava sobre o local da ocorrência”.

Você também pode gostar