Cidades

SAMU de Ipatinga comemora 14 anos de serviços prestados à população

IPATINGA –  “Eles vão chegar. O SAMU vai chegar”. Essa foi a frase a que se apegou o morador do bairro Veneza, Odilon Félix (35), para acreditar que viveria, após receber um tiro que quase lhe tirou a vida. A bala acertou a carótida, principal artéria no pescoço. Após o pedido de socorro, profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Ipatinga chegaram ao local informado em dez minutos, garantindo o salvamento do paciente com o estancamento de sangue e outros cuidados.

Com sorrisos no rosto e em clima de muita emoção, o depoimento de Odilon foi compartilhado nas dependências do SAMU de Ipatinga, durante a celebração dos 14 anos de serviços prestados no município. Referência em atendimentos de urgência e emergência na cidade e na Região do Vale do Aço, vários são os motivos para comemorar, uma vez que o serviço contabiliza números expressivos e a conquista de importantes recursos para melhoria da atuação no município.

EQUIPE             

Com uma equipe composta por 83 profissionais, sendo oito médicos, nove enfermeiros, 27 técnicos de enfermagem, 24 condutores e 11 operadores de frota, o SAMU de Ipatinga atua em todo o município com três novas ambulâncias de suporte básico de vida (USB) e uma de suporte avançado (USA). Os veículos chegaram à cidade na última sexta-feira (29), provenientes do Ministério da Saúde.

Nos últimos dois anos, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência recebeu mais de 73 mil chamadas telefônicas, através do 192. Desse total, 14.611 ligações se converteram em atendimentos a diversos tipos de ocorrências, com destaque para o socorro a envolvidos em acidentes de trânsito.

QUALIFICAÇÃO

No quesito qualificação, mais de 1.100 certificados foram emitidos aos profissionais da Saúde do município e da região do Vale do Aço, através dos treinamentos promovidos pelo Núcleo de Educação Permanente (NEP). Por meio do programa ‘SAMU nas Escolas’, outros 2.500 estudantes das redes de ensino público/privada vêm sendo conscientizados sobre a importância do serviço. Um dos resultados deste trabalho é a diminuição significativa do número de trotes. De janeiro a maio de 2017, o serviço registrou 3.260 ligações falsas. No mesmo período deste ano, o número de trotes caiu para 1.781.

O serviço é gratuito e funciona 24 horas por meio da prestação de orientações e do envio de veículos tripulados por equipe capacitada, acessado pelo número 192. O SAMU realiza os atendimentos em qualquer lugar: residências, locais de trabalho e vias públicas.

O médico Norberto de Sá Neto se emociona ao lembrar a primeira vez que vestiu o macacão do SAMU

ETERNO SAMUZEIRO

O médico Norberto de Sá Neto se emociona ao lembrar a primeira vez que vestiu o macacão do SAMU. Por 13 anos ele atuou no serviço, sendo o primeiro médico das equipes de urgência e emergência.

“Lembro-me perfeitamente dos primeiros atendimentos que fiz. Era um misto de ansiedade e medo ao sair pelas ruas com o objetivo de salvar vidas. Aqueles desafios foram se transformando em paixão. E com isso construímos uma história com muitas alegrias e sofrimentos atenuados. Hoje o SAMU é um serviço ainda mais desenvolvido na cidade, com profissionais treinados, que em equipe esgotam suas forças pelo bem dos pacientes. Um serviço público de excelência com que a população de Ipatinga pode contar”, pontua.

 

Você também pode gostar