Cidades

Quintão aumenta cobrança de taxas de R$ 3 para R$ 28 milhões em 1 ano

IPATINGA – A vereadora Lene Teixeira (PT) alertou para o possível aumento nas taxas cobradas pela Prefeitura de Ipatinga a partir do próximo ano, conforme prevê a peça orçamentária enviada à Câmara Municipal. O aumento acontece mesmo sem que a Prefeitura Municipal tenha feita qualquer alteração para melhorar a qualidade dos serviços prestados à população.

Segundo ela, “o prefeito Sebastião Quintão espera arrecadar em 2018 mais de R$ 28 milhões apenas com taxas. A previsão está no projeto do Orçamento que ele enviou para a Câmara”.
Conforme Lene Teixeira, a grande surpresa é o enorme aumento previsto com a arrecadação de taxas, o que pressupõe um reajuste acima do normal. “O que assusta é que, no Orçamento para esse ano, a previsão é de R$ 3 milhões e para 2018 a previsão é de R$ 28,663 milhões, ou seja, de um ano para o outro, a Prefeitura pretende aumentar a arrecadação em R$ 25 milhões. Isso acontece em virtude do pacote de maldades da Prefeitura, que aumentou taxas, impostos, além de ter criado novos tributos, ignorando totalmente a situação de crise vivida pelo país. A conta vai ser paga pelos ipatinguenses”, arremata a vereadora.

Você também pode gostar