Cidades

Provas do Estado atraem mais de 262 mil pessoas

No concurso são ofertadas vagas para professores que atuarão nos anos iniciais do ensino fundamental

 

BH – Neste domingo (4), os 262.989 mil inscritos no concurso da Secretaria de Estado de Educação (SEE) participam da primeira etapa do processo seletivo e realizam provas objetivas em todo o estado. O exame ocorre simultaneamente em 49 cidades mineiras. A segunda etapa será a avaliação de títulos. As cidades nas quais as provas serão aplicadas são os municípios-sede das 47 Superintendências Regionais de Ensino (SREs). A exceção fica por conta da SRE de Nova Era, que, além da cidade sede, também terá como locais de prova os municípios de Itabira e João Monlevade. No caso das Regiões Metropolitanas A, B e C, e da Região Metropolitana de Belo Horizonte, as provas serão aplicadas na Capital.
Composta por 60 questões de múltipla escolha, a prova terá duração de quatro horas, nos turnos manhã e tarde, que variam de acordo com as carreiras. O concurso oferece um total de 21.377 vagas. No turno da manhã, serão 305 locais de prova que terão acompanhamento de 9.328 fiscais. Já no período da tarde, são 9459 fiscais para 294 locais de aplicação. As provas acontecem em escolas estaduais, municipais e instituições de ensino técnico e superior. O concurso está sendo aplicado pela Fundação Carlos Chagas e coordenado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag).
Em média, o concurso terá 12,3 candidatos por vaga. O cargo que registrou o maior número de inscritos no concurso público foi o de Assistente Técnico de Educação Básica, que irá cumprir a função de apoio técnico nas escolas estaduais. Foram 60.279 candidatos inscritos para concorrer a uma das 4.401 vagas – uma média de 13,7 candidatos por vaga.
A concorrência, contudo, é maior no cargo de Analista Educacional. Foram 29.181 para uma das 378 vagas, uma média de 77 candidatos por vagas. Já entre os professores a maior procura é registrada no cargo de professor dos anos iniciais do ensino fundamental. Foram quase 59 mil inscritos para uma das 3.551 vagas.

ORIENTAÇÕES
Para os candidatos que concorrem a uma vaga nas carreiras de cargos de Professor Educação Básica – Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Assistente Técnico Educacional e Assistente Técnico de Educação Básica, a prova terá início às 8h30, mas os candidatos devem chegar ao local de prova às 8h.
Já os candidatos a vagas nas carreiras de Professor Educação Básica (Arte/Artes, Biologia, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Língua Estrangeira Moderna -Espanhol, Língua Estrangeira Moderna -Inglês, Língua Portuguesa, Matemática, Química, Sociologia); Analista Educacional; Analista Educacional – Inspeção Escolar; Especialista em Educação Básica – Orientação Educacional; e Especialista em Educação Básica – Supervisão Pedagógica, as provas terão início às 14h30, mas os candidatos devem chegar às 14h.
De acordo com o edital do concurso, (http://www.concursosfcc.com.br/concursos/spgmg110/edital_see_12_07_imprensa.pdf) o candidato deve comparecer ao local de prova munido do comprovante de inscrição, documento original de identidade, caneta esferográfica de tinta preta e de material transparente, lápis e borracha. Os candidatos deficientes visuais (cegos), que solicitaram prova especial em Braile, deverão levar no dia da aplicação do exame, reglete e punção, podendo, ainda, utilizar-se de soroban.
A prova é composta por 60 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos. O tempo mínimo de permanência no local de realização do exame (período de sigilo) será de 60 minutos a partir do início das provas. Será considerado aprovado na primeira etapa o candidato que obtiver o mínimo de 50% de acertos nas questões de conhecimentos gerais e 50% nas questões de conhecimentos específicos.

Gabarito
O gabarito das provas será divulgado no endereço eletrônico www.concursosfcc.com.br, no primeiro dia útil após a aplicação da prova objetiva. O resultado final da prova objetiva, assim como a lista de classificação dos candidatos aprovados, será divulgado no Diário Oficial dos Poderes do Estado, após o julgamento de eventuais recursos interpostos contra as questões das provas e gabaritos preliminares. A segunda etapa do concurso é de caráter eliminatório e será destinada a avaliação de títulos.

 

Você também pode gostar