Cidades

Professores promovem manifestações

Professores também realizaram manifestação: objetivo é a revisão do Plano de Carreiras

 

IPATINGA – Os professores da rede municipal de Ipatinga realizaram durante todo o dia 20 de março diversas manifestações junto à comunidade. Os protestos foram organizados pelos trabalhadores das diversas unidades escolares e tiveram como objetivo dar visibilidade ao debate em torno do Plano de Carreira da categoria, que está sendo discutido com a PMI.
Durante as atividades, os trabalhadores destacaram o fato de a Prefeitura de Ipatinga não estar cumprindo a Lei Federal que trata da revisão e adequação do Plano de Carreira da Educação e informaram aos pais sua disposição em manter a mobilização até o envio do Projeto de Lei que altera o Plano de Carreira à Câmara Municipal.
Os professores argumentaram junto à comunidade que o fato de o Plano de Carreira estar em desacordo com a legislação federal causa sérios prejuízos aos profissionais da Educação, negando-lhes direitos já conquistados.
“Em audiência pública, o secretário de Educação firmou o compromisso de discutir o projeto apresentado pelos trabalhadores e encaminhá-lo para aprovação na Câmara Municipal”, informou Vasco Lagares, diretor do Sind-UTE. Segundo o sindicalista, “o prazo estipulado pela Lei Federal para a adequação do Plano encerrou-se em julho de 2010.” Ainda “após a greve de 2011, o prefeito assinou um acordo garantindo que faria as mudanças necessárias no Plano de Carreira, o que esperamos que aconteça ainda neste mês de março”, diz.

Você também pode gostar