Cultura

Prefeitura de Ipatinga e mototáxis debatem regulamentação de lei

Após regulamentação da lei, pontos serão demarcados e processo licitatório será realizado para conceder as permissões

IPATINGA
– Uma equipe técnica da Prefeitura de Ipatinga e representantes dos mototaxistas e motofretistas do município se reuniram nesta terça-feira (3), em mais uma oportunidade para debater a regulamentação da Lei Municipal 3.214/2013, sancionada pela prefeita Cecília Ferramenta no dia 27 de agosto.

O encontro contou com a participação de uma comissão formada por integrantes do poder público e representantes dos mototaxistas e motofretistas independentes e de entidades, como Sindicato dos Motociclistas, Motoboys, Prestadores de Serviços e Similares do Vale do Aço e Região (Sindimotos), Associação dos Mototaxistas, Motofretistas e Motociclistas do Vale do Aço (Motvaço) e Associação dos Mototaxistas e Motofretistas do Vale do Aço (Assomotos).

O debate foi pautado pela proposta de elaboração do decreto que regulamentará a legislação municipal, a partir do material cedido pelos mototaxistas e do mapeamento dos pontos existentes em Ipatinga atualmente. “O valor da tarifa a ser cobrada, a cobertura do seguro do profissional e do passageiro, a propriedade do veículo e os locais de demarcação dos pontos de mototaxistas foram amplamente debatidos. A comissão volta a se reunir para definir, em conjunto, outras determinações”, resumiu o secretário de Serviços Urbanos e Meio Ambiente da Prefeitura de Ipatinga, Gustavo Finocchio Lima.

Para o presidente do Sindicato dos Mototaxistas Independentes, Fernando Antônio, a reunião confirma a transparência com que a Prefeitura tem conduzido a regulamentação da profissão na cidade. “Mais uma vez a Administração Municipal nos ouviu e nos deu a oportunidade de discutir a nova lei, antes da sua implementação. Temos a certeza de que os mototaxistas serão beneficiados com a legislação”, enfatizou.

A reunião também teve a aprovação do presidente do Sindimotos, José Geraldo Júlio de Barros. “A Prefeitura está aberta ao diálogo e, com isso, sabemos que tudo o que puder ser feito pelos profissionais será garantido, dentro da legalidade, sem prejudicar ninguém”, declarou.
Na próxima segunda-feira (9), a comissão se reunirá novamente. A previsão é que no dia 11 de setembro seja assinado o decreto com as alterações acordadas entre a comissão dos mototaxistas e equipe técnica da Prefeitura.

Você também pode gostar