Policia

PC realiza reconstituição de crime em casa de jogos

Reconstituição de crime pode ajudar PC a desvendar mistério de assassinato

 

IPATINGA – A equipe de Homicídios Contra a Vida de Ipatinga realizou na tarde de ontem (1º) a reconstituição do assassinato do aposentado Beneir Inácio Filho, 60 anos, morto com tiro nas costas, em uma casa de carteado, durante o feriado de carnaval.
Para a delegada de homicídios Irene Angélica, a reconstituição é necessária porque o crime é bastante complexo, já que peritos detectaram uma mudança na cena do crime. “E quando há alteração do local, dificulta as investigações. A partir daí nós vamos fazer uma investigação mais lúcida e esclarecer o que foi contado desde o início”, disse.
Inicialmente, a polícia trabalhou com latrocínio (roubo seguido de morte), mas, no decorrer do inquérito, a PC descobriu várias mentiras, o que abriu a hipótese de execução. “Para quererem se defender da questão relativa ao jogo de azar, acabaram alterando local, e quando isso ocorre fica difícil para a polícia conseguir um resultado rápido. Primeiro, precisamos chegar à verdade do que estão contando, para depois iniciar as investigações”, disse.

O CRIME
Beneir foi morto em circunstâncias estranhas para a polícia. Pessoas que estavam no local contaram que estariam “brincando” com um jogo de cartas e comemorando o aniversário da vítima, quando um assaltante teria coagido o dono da casa, entrado na residência, anunciado o assalto e atirado em Beneir.
No entanto, familiares da vítima não acreditam na versão de latrocínio. As informações dão conta de que o aposentado possuía alta dívida de jogo, o que reforça a tese de execução.

GESSEIRO
A Polícia Civil ainda não tem a autoria do assassinato de Jamerson Andrade Oliveira, 30 anos, executado com mais de 20 tiros na noite da última quarta-feira (29), no Veneza II.
Em julho de 2009, Jamerson foi autuado em flagrante pelo homicídio do gesseiro Ciranede Pereira Gonçalves, 28 anos. Na época, ele foi levado ao Ceresp de Ipatinga. Ciranede foi assassinado na avenida Livramento. A família acredita que Jamerson tenha sido morto por vingança.

Você também pode gostar