Esportes

Marcos e Jackson vão brigar por posição no Cruzeiro

BH – A única posição que estava sem concorrência na equipe do Cruzeiro era a lateral direita, que tinha apenas Marcos à disposição do técnico Vágner Mancini. Mas isso mudou com a chegada de Jackson, que veio do Dallas, equipe dos Estados Unidos, e agora, a briga pela camisa 2 promete ser bastante disputada.
Marcos, que foi revelado nas categorias de base do Cruzeiro, garante que está pronto para brigar pela titularidade. O atleta se diz mais preparado para vestir a camisa azul por estar mais rodado, após adquirir experiência em outras equipes do futebol nacional, como no Bahia, onde se destacou na temporada passada.
“Já passei por aqui, sei o quanto essa camisa pesa, é difícil jogar aqui, tem que estar preparado. Quando passei por aqui eu era mais novo, a responsabilidade era bem maior, agora vim com mais experiência, rodei no futebol, voltei e agora quero me firmar no Cruzeiro”, disse.
A concorrência não será nada fácil, já que na briga está Jackson, que se destacou no São Paulo, foi campeão brasileiro pelo time paulista em 2007 e jogou por duas temporadas no futebol norte-americano, tendo sucesso no Dallas-EUA, tanto que foi titular em 31 dos 40 jogos que fez no time estadunidense.
Para Marcos, não existe fórmula mágica nem segredos para alcançar a vaga de titular dentro do time, basta saber desempenhar bem a função que o técnico determinar. Na opinião do jogador, além de obediência tática, um bom lateral tem que saber defender e atacar na medida certa.
“Cada jogador tem sua função e às vezes você quer fazer função de outro jogador. Você tem que saber defender e chegar no fundo, fazer os cruzamentos e servir bem seus companheiros. É fazer o seu”, frisou.

TREINO ABERTO
O torcedor do Cruzeiro terá a oportunidade de acompanhar um dos treinamentos da pré-temporada do Clube, que está sendo realizada desde o último dia 4, na Toca da Raposa II. Neste sábado, os primeiros 1500 torcedores que comparecerem à Toca da Raposa I terão acesso ao centro de treinamentos. Para retirar um dos 1500 ingressos, o trorcedor deverá doar produtos de limpeza e de higiene pessoal, que serão destinados às vítimas das chuvas em Minas Gerais. Os portões da Toca I serão abertos às 14h. (Cruzeiro Futebol Clube)

Você também pode gostar