Cidades

Fiscalização do DER prepara operação para próximo feriado

Para o feriado da Semana Santa, o DER vai promover blitze para combater transporte irregular

 

BH – O Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG) já tem uma programação de fiscalização a ser utilizada durante o feriado da Semana Santa. A ideia será manter a parceria entre as polícias Militar Rodoviária e Rodoviária Federal e realizar ações por meio de todas as coordenadorias regionais do departamento, repetindo o resultado positivo alcançado durante a Operação Carnaval, finalizada em 29 de fevereiro.
Para o diretor de fiscalização do DER/MG, João Afonso Baeta, “os resultados foram positivos e isso deverá incentivar a manutenção das parcerias realizadas. Estamos com um planejamento em andamento, visando à preparação de um plano de ações para o próximo feriado prolongado, que será a Semana Santa, quando está previsto um aumento do número de veículos nas rodovias mineiras e de viagens fretadas. Temos de coibir o transporte clandestino e orientar tanto os motoristas que atuam com fretamento quanto os passageiros”, concluiu João Baeta.

OPERAÇÃO CARNAVAL
No Carnaval, a preparação das blitze foi feita com base em informações pesquisadas, monitoradas e planejadas com táticas de inteligência logística. A distribuição dos fiscais permitiu o mapeamento dos acessos e rotas de fugas dos acessos à Serra do Cipó, Diamantina, Pirapora, Ouro Preto, Mariana, São João del-Rei, Região Metropolitana de Belo Horizonte e alguns outros pontos mais regionalizados. Em todas as atividades foram utilizadas viaturas dotadas de equipamentos de última geração, que permitem checar em tempo real várias situações encontradas no trânsito, com acesso direto à internet, além de atuarem sem pontos fixos que, por sua natureza, permitiram antecipar situações de risco.
“A cada operação que fazemos, sentimos que os transportadores ilegais estão sendo sufocados e que muitos já pensam em parar com o negócio, devido à ostensividade e a permanente atuação de nossa fiscalização”, analisou o diretor de Fiscalização do DER/MG, João Afonso Baeta Costa Machado.
A estratégia elaborada para o período de Carnaval envolveu um trabalho que iniciou antes dos feriados, no dia 10 de fevereiro, e só terminou depois, em 29 de fevereiro. Durante este período, foram abordados 18.500 veículos em 450 ações de fiscalização e lavrados 2.100 autos. Somente de transporte irregular foram efetuadas 150 apreensões de veículos por estarem infringindo os dispositivos legais da legislação estadual e federal. Medidas administrativas de fiscalização foram responsáveis pelo desembarque de 1.100 passageiros de transporte, que viram suas viagens serem atrasadas e a folia prejudicada por terem feito a opção por um meio ilegal de transporte.
O DER/MG realizou operações de fiscalização em todo o Estado, através das 40 coordenadorias regionais de departamento, com a participação de 250 agentes/fiscais da entidade, em parceria com as polícias Militar Rodoviária e Rodoviária Federal. Também no nível municipal, foram intensificadas as ações da RMBH e no hipercentro da capital, em conjunto com a BHTrans, ANTT, Polícia Civil e PMMG, com ênfase no transporte fretado intermunicipal e interestadual, visando coibir as ações de transporte irregular de passageiros.

 

 

Você também pode gostar