Cultura

Exposição do Projeto Xerimbabo recebeu mais de 27 mil visitantes

IPATINGA – A exposição de educação ambiental do Projeto Xerimbabo Usiminas foi encerrada no último domingo (18) com mais de 27 mil visitantes, entre estudantes, professores, comunidade do Vale do Aço e circunvizinhança. O evento integra a programação do 33º ano do projeto e apresentou o tema “A fauna sem lar”, uma abordagem sobre as situações que colocam em risco a vida dos animais e como a sociedade pode contribuir para alterar esse cenário.
Ao longo do zoológico do Centro de Biodiversidade da Usipa (Cebus), o público pode ver de perto a situação dos animais vítimas de crimes ambientais, muitas vezes tratados com crueldade por caçadores e traficantes de animais, e ainda interagir com a fauna e flora conservada no local. “Foi mais uma oportunidade de promover a educação ambiental e colaborar com o desenvolvimento do cidadão, principalmente das crianças que reproduzem o conhecimento para os colegas e familiares. Eles são mais que colaboradores, são fiscais mirins em prol do meio ambiente e agora, também, do bem estar dos animais”, enfatiza o idealizador do projeto, o médico veterinário e coordenador do Cebus, Lélio Costa e Silva.

CONTINUIDADE

A parceria com a comunidade seguirá, até o mês de dezembro, com dois outros eventos integrantes da 33º edição do Projeto Xerimbabo Usiminas. Realizados pela área de Ação Educativa do Instituto Cultural Usiminas, o “Conhecendo a Usiminas” e a “Aventura no Viveiro” continuarão a promover experiências especiais com o meio ambiente e a vida com as visitas de estudantes dentro da Usina de Ipatinga e no Viveiro de Mudas da siderúrgica. As duas iniciativas são voltadas para as escolas e as inscrições podem ser realizadas pelo telefone (31) 3824-3731.
O gerente-geral de Meio Ambiente da Usiminas, Pedro Luis Ribeiro, destaca que a parceria histórica com a comunidade e a integração entre os eventos neste ano potencializam o alcance do projeto. “As ações desenvolvidas pelas Usiminas em prol do meio ambiente visam resultados diretos para a comunidade na qual está presente. Com estes diferentes eventos, trazemos um público diverso para reeditar este conhecimento em seu dia a dia,” lembra.
Ao longo de mais de três décadas, o Projeto Xerimbabo Usiminas apresentou diversos temas ambientais de forma pioneira em educação ambiental. Oportunidades em que ofereceu conhecimento ecológico para mais de 2 milhões e 400 mil pessoas que se tornaram multiplicadores dos conteúdos apresentados para diversas regiões do país.

Você também pode gostar