Cidades

Comunidade é beneficiada com serviços e atividades gratuitos

Em 2011, ações do Dia do Bem Verde foram realizadas em Ipabinha  (Crédito da foto: Arquivo)

 

(Da Redação) – Apresentações artísticas, oficinas, aconselhamentos em saúde, oportunidades de capacitação profissional, serviços sociais e ações socioambientais integram a programação do Dia do Bem Verde, que acontece neste sábado (24), em diversas cidades brasileiras. O evento é uma realização de voluntários das casas beneficentes do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal (UDV), em parceria com a Associação Novo Encanto de Desenvolvimento Ecológico(www.novoencanto.org.br).
A UDV é uma religião de origem amazônica, de fundamentação cristã-reencarnacionista, presente em todas as unidades de Federação e também no exterior (Estados Unidos e Europa). A União do Vegetal – www.udv.org.br – é uma instituição reconhecida como Utilidade Pública Federal desde 22 de julho de 1999.
Aqui, no Vale do Aço, o Dia do Bem Verde acontecerá na Cidade do Menor, em Coronel Fabriciano, a partir das 8 horas. Estão previstas as seguintes atividades: apresentação teatral sobre a importância da limpeza e do meio ambiente, contação de estória, plantio de árvores frutíferas e recreação com as crianças e adolescentes. O evento vai servir ainda para os presentes conhecerem a nascente de água da Cidade do Menor que será recuperada pela UDV, através de projeto já em andamento.
A segunda edição do Dia do Bem, em parceria com a Novo Encanto, será “um dia de muita alegria, que contará com a participação de militantes ambientalistas e voluntários”, anuncia Márcio Verbisck, diretor nacional de Beneficência da UDV.
Eventos como o Dia do Bem Verde, além de promoverem ações socioeducativas nas comunidades atendidas, fortalecem mais a relação da UDV com a sociedade civil, graças a um trabalho que já vem sendo realizado há 50 anos. Refletem também, de forma simples e efetiva, um dos princípios que regem a UDV, qual seja ”fazer o bem sem olhar a quem”, afirma Verbisck.

50 ANOS
O Dia do Bem foi integrado ao calendário anual e nacional da União do Vegetal, instituição fundada em 1961, em Porto Velho (RO), pelo seringueiro José Gabriel da Costa. A ação foi realizada inicialmente pelas unidades beneficentes da UDV em Macapá (AP) e Santarém (PA). As ações sociais fazem parte da UDV desde a sua origem. À medida que a instituição cresceu, o trabalho filantrópico ganhou maior porte e notoriedade, com diversos serviços à comunidade, como atendimentos médicos, capacitação, alfabetização de jovens e adultos, campanhas do agasalho, atendimento à saúde, entre outros.
O foco do trabalho social da UDV é, na atualidade, a alfabetização de jovens e adultos, feita com a utilização do software livre Luz do Saber, desenvolvido por iniciativa da União do Vegetal em parceria com programas do Governo Federal e do Estado do Ceará. O software é gratuito e está disponível no site http://luzdosaber.seduc.ce.gov.br.

Você também pode gostar